Notícias

Jonathan Tebaldi
26/02/2021

Compartilhe:
Casa e +

A expressão “filho de peixe, peixinho é”, comum quando se quer atribuir características que um filho herda de seus pais, contextualiza todo o começo  do empreendedor, sócio fundador e estrategista da Criativando, Jonathan Tebaldi. Pois sua jornada começou ao lado do seu pai e sua mãe, grandes exemplos para ele, na cidade de Nova Bassano, interior do Rio Grande do Sul, onde a perseverança, coragem e espírito de empreender foram os capítulos principais da história desses personagens.

Será unanimidade entre empreendedores um passado desafiador? Ao menos para Tebaldi o motivo de empreender está enraizado na infância, nas dificuldades da família para sobreviver e curar o menino com problema de saúde.
Hoje sua mãe também é uma empreendedora de sucesso e para ambos o passado é motivo de orgulho, pois foi por conta dessa vivência que o peixinho frágil se transformou em tubarão.

Morde os ´beiço´e aguenta

Sua primeira empresa, a Gráfica Tebaldi, foi o start. “Eu tinha uma gráfica em Nova Bassano e estava sempre buscando mais conhecimento sobre o setor, além de tecnologia e inovação, assuntos que também me interessavam. Quando vivi como empresário a minha primeira crise em 2015, começamos a sofrer os impactos e demos início a um processo de reinvenção. Literalmente me tranquei dentro da empresa e fundei a Criativando, com a criação de um novo produto para ser linha de frente, o papel de parede”- contou Tebaldi.
Em seguida surgiu a ideia da plataforma onde se conectariam arquitetos, lojistas, designers, fotógrafos e outras pessoas que também teriam a liberdade de criar seu papel de parede personalizado.
Em março de 2017 a empresa participou do Startup RS do Sebrae, onde recebeu auxílio no desenvolvimento do negócio. “Nós nem sabíamos que nossa empresa era uma startup, mas tivemos que adotar esse modelo e aprender tudo desse mundo, pois em setembro do mesmo ano, entre 204 empresas nacionais e internacionais, fomos selecionados finalistas do programa do Sebrae e tivemos a oportunidade de receber o aporte da Aceleradora Ventiur, marco inicial do nosso crescimento”- explicou.
A Criativando foi reconhecida como a primeira startup do interior gaúcho e logo se tornou um fenômeno nacional, rompendo paradigmas do setor da decoração com sua plataforma híbrida.
Em 2017 criou o papel de parede de realidade aumentada, que só agora é tendência. “Criamos antecipadamente e fomos chamados de loucos, mas o timing que o pessoal está compreendendo hoje para nós se tornou antigo. A gente entende e replica ele diversas vezes, faturando com o produto, mas lá na ponta já temos novas tecnologias para serem lançadas”.
Ser startup é ser um modelo de negócio em que se resolve uma dor, usando tecnologia, mas também inovação para fazer de um modo diferente, de forma enxuta e escalável. Segundo Tebaldi, a Criativando resolve a dor do mercado tradicional de papel de parede, que excluiu o catálogo físico, direcionando todas as pessoas envolvidas a uma plataforma, onde estão presentes mais de mil modelos de papel de parede. “Tudo que está na plataforma fica disponível e não sai de linha porque são impressos sob demanda, não geram estoque de material, tornando a compra mais econômica e sem desperdiçar papel, que é o nosso apelo eco, além de impressão 100% a base de água, motivo pelo qual já fomos case mundial da HP por três vezes. Além disso, soluciona um problema logístico, pois atua com atendimento personalizado e local. Hoje são 16 franquias, que começaram a ser negociadas em agosto de 2020 e 390 pontos de venda presentes no Brasil” – finaliza.
Em 2019, a startup se propôs a participar do programa Shark Tank Brasil - Negociando com Tubarões e para Tebaldi foi uma das experiências mais significativas e de maior aprendizado na sua vida.
Seu episódio foi destaque da estreia da 4ª temporada, onde sua história comoveu os tubarões, conquistou o investimento e a sociedade de Camila Farani, maior investidora anjo do país.

Empreender para mudar o mundo

Há um sentido na busca por empreender e vai além de ser case de sucesso. Para Tebaldi, todo esforço está concentrado em fazer diariamente alguma coisa que permita ser orgulho para sua esposa, principal incentivadora e sócia Karla Becker e deixar um legado para suas filhas Ana Luiza e Antonella.
Em todos os momentos em que ele tem a missão de fazer a apresentação da Criativando, no primeiro slide tem um texto grande que diz: “Nós não somos uma marca de papel de parede, nós somos um propósito. Bem-vindo ao futuro da decoração”.
Esse propósito se baseia em compartilhar conhecimento e inspirar outros empreendedores a inovar e desenvolver o ecossistema de suas regiões. “Na minha jornada não aceitei o que todo mundo me falava, pois do contrário voltaria para casa. Eu acreditava que teria sucesso e faria a diferença na vida de muitas pessoas. Ser o maluco da startup do papel de parede e contrariar tanta gente me trouxe até aqui para compartilhar o pensamento de que obstáculos não podem lhe impedir. Talvez o que você esteja precisando seja alguém para lhe ajudar a tirar a ideia do papel e se eu tenho condições de compartilhar conhecimento então é isso que precisa ser feito” – afirma o empreendedor.


Galeria de fotos